JARU MOTOS

Adolescente assalta loja usando faca e quatro pessoas são presas após rastreador mostrar localização de celulares roubados

Atendente foi ameaçada e trancada dentro de banheiro.

Um adolescente, um casal e um jovem foram presos na noite desta quinta-feira, 19, após o menor de idade assaltar uma loja na avenida Paraná, em Vilhena, usando uma faca para cometer o crime.

De acordo com informações obtidas pelo site, a atendente da empresa foi rendida pelo adolescente, que entrou no estabelecimento sem retirar o capacete e, ameaçando-a com a faca, exigiu que ela lhe entregasse dois celulares e R$ 84,00 que estavam no caixa.

A moça foi trancada dentro do banheiro e orientada a só sair do local depois de cinco minutos.

Uma moradora vizinha do comércio atacado revelou aos policiais ter visto o assaltante subindo na garupa da moto pilotada pelo comparsa e fugindo em direção ao ginásio Geraldão.

O que levou à captura dos marginais, no entanto, foi um “descuido” em relação aos celulares roubados: os aparelhos tinham um sistema de rastreamento que deu a exata localização deles.

Quando os policiais chegaram à residência sinalizada pelo rastreador dos celulares, os dois ladrões tentaram fugir pulando o muro, mas ambos foram capturados. Em poder da dupla, foram encontrados outros dois aparelhos, dois relógios e duas porções de maconha.

Ao ser acionado novamente, o dispositivo de rastreamento mostrou o os dois celulares em cima da casa. Junto com os aparelhos foi encontrada uma carteira com R$ 140,00, além do CPF de uma mulher, mais uma folha com anotações, aparentemente uma espécie de controle da venda de drogas.

A mulher suspeita e o marido revelaram que os dois rapazes se hospedavam na casa deles, em um quarto. Os quatro foram apresentados na Unisp, junto com o dinheiro, a droga e os objetos recuperados.

A polícia descobriu que o piloto da moto usada na fuga, maior de idade, tinha um mandado de prisão contra si e estava foragido da Colônia Penal desde o mês passado, quando rompeu a tornozeleira eletrônica que o monitorava.

FONTE: FOLHA DO SUL

POR: RONDÔNIA EM AÇÃO

MULTI CRÉDITOS
FLASH NET