JARU MOTOS

PSOL pede que Damares deponha sobre vazamento de dados de menina de 10 anos… –

O deputado federal Marcelo Freixo (PSOL-RJ), anunciou hoje que o partido protocolou um pedido para que a ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, preste esclarecimentos na Câmara sobre o vazamento de dados da menina de 10 anos que interrompeu a gravidez após ser estuprada pelo tio, no Espírito Santo. Nome completo e endereço do hospital onde ela realizaria o procedimento — autorizado pela Justiça capixaba — no Recife foram publicados ilegalmente pela militante de extrema-direita Sara Winter, no domingo (16). Há suspeitas de que as informações tenham sido vazadas pela ministra…

“Urgente! Acabamos de protocolar o requerimento de convocação da ministra Damares para prestar esclarecimentos na Câmara sobre o vazamento de dados da menina de 10 anos”, disse o deputado, no Twitter. “Isso é crime e precisa ser investigado”…. –

No último domingo (16), a ativista, cujo nome real é Sara Giromini, publicou nas redes sociais informações sigilosas sobre a menina, como nome completo e hospital onde ela realizaria o aborto, que foi autorizado pela Justiça capixaba. Na ocasião, ela incitou manifestantes de direita contrários ao aborto a protestarem em frente ao hospital, o Cisam (Centro Integrado Amaury de Medeiros), no Recife. No domingo, dezenas de pessoas proferiram ofensas à criança e à sua família, e algumas tentaram forçar a entrada no local. Desde que publicou os dados da menina, Sara Winter teve seu perfil no YouTube derrubado pela plataforma, foi alvo de uma notícia-crime protocolada por deputados estaduais do DF e de um pedido de investigação no MPF (Ministério Público Federal). Uma petição on-line já reúne mais de 100 mil assinaturas pela abertura de um processo contra ela..

FONTE:UOL

POR; RONDÔNIA EM AÇÃO

MULTI CRÉDITOS
FLASH NET